domingo, 30 de janeiro de 2011

Público do Reino Unido pediu para contar estrelas visíveis para medir a poluição luminosa

O céu de luz: Um estudo descobriu que 83% dos britânicos tiveram
 a sua visão do céu noturno perturbado por poluição luminosa

   Tem sido uma praga na noite, desde a invenção da luz e alguns dizem que a essência do romance morreu.
   Contempladores de estrelas, na Grã-Bretanha declararam guerra à poluição luminosa e estão incitando o público para contar estrelas em uma tentativa de medir o seu efeito sobre o céu noturno.


Estrela, fora estrela: A poluição luminosa não só prejudica o carácter da paisagem,
 mas também pode atrapalhar a vida selvagem e afetar os padrões de sono das pessoas


    Detalhes sobre o número de estrelas, que as pessoas podem ver na constelação de Orion será usado para criar um mapa de contagem de estrelas para mostrar o impacto da luz de vilas, cidades e estradas no céu escuro.
    A contagem de estrelas está a ser gerido pela Campaign to Protect Rural England (CPRE) e Campanha da British Astronomical Association para Dark Skies (CFDs) como parte dos esforços para tornar os ministros e os conselhos locais a tomar medidas para combater a poluição luminosa.
    Uma pesquisa recente pelas duas organizações constatou que mais de quatro quintos (83%) de pessoas tinham a sua visão do céu noturno afetados pela poluição luminosa.
    A CPRE disse que o fenômeno não só danificou o carácter da paisagem, mas também poderia prejudicar a vida selvagem e afetar os padrões de sono das pessoas.
 Com gastos de £ 532.000.000 (Libras) por ano em iluminação pública, o que pode representar de 5% a 10% de suas emissões de carbono, os esforços para reduzir a poluição luminosa pode economizar em gases de efeito estufa e dinheiro.
  
   Emma Marrington, militante política rural na CPRE, disse: "A poluição de luz a caráter de campo, borra a distinção entre a cidade e o país, e nega às pessoas a experiência de um céu escuro e estrelado.


Comentário: Nós ufólogos e astronomos, também agradeceríamos se medidas assim como esta fossem tomadas. Com certeza, nossa noite e nossas vidas seriam melhor do que com toda a poluição luminosa das cidades. Do que adianta ter um ótimo telescópio e um céu poluido sem estrelas para observar?

Em Busca da Verdade Absoluta

Ilustração em CG - Gério Ganimedes



   Vários Internautas, que estão assistindo o vídeo "UFO OVNI ISS", gravado por mim, do canal aberto da NASA TV (ISS), sem sofrer qualquer tipo de edição e postado no Youtube, por minha sócia-colaboradora, jaquealma , estão deixando comentários do tipo "Isto é FAKE! (Isto é Falso)".
  
   Quero deixar bem claro aqui que tenho 50 anos bem vividos e com uma carga de experiência de vida grande, com conhecimento na área de astronomia,  mecânica de Telescópios (contrui meu próprio telescópio refrator, inclusive as lentes),  física quântica, matemática, ótica, eletrônica de telecomunicações, informática, linguagens de programação, como Assembler, Cobol, Pascal, C++, Clipper, Fortran, tenho curso de inglês e trabalho com computadores a 27 anos,  sendo que meu primeiro computador pessoal utilizava processador NEZ8000 ou CPU Z80 (1980).  Profissionalmente fiz cursos na IBM, trabalhei por 12 anos com computadores IBM System /3, 4341, mainframes de grande porte e nos anos seguintes com IBM PCs e redes de micros.
   Atualmente sou técnico em manutenção e montagem de computadores, rede de computadores a cabo e  wireless.  
   Hoje, após varios anos de estudo e suor, tenho computadores em rede, todos com os mais recentes recursos tecnológicos,  trabalhando com computação gráfica, com programas do porte do Maya, 3DS MAX 2010, VALVE e outros na área de análise digital de imagens.
    No mundo, sou um dos poucos que desenvolveram  Sistemas Computadorizados de Análise de Semem ( Motilidade, Morfologia ), para laboratórios de Análises e Inseminação Artificial.
   Como Artista Plástico a mais de 30 anos, faço esculturas e réplicas de peças antigas e utilizadas no cinema. Pintei mais de 50 telas, enfim sempre buscando a perfeição, honestidade e a verdade, em  tudo o que me proponho a fazer e desenvolver. 
   Estudo Ufologia desde os 20 e desde então só tenho me aperfeiçoado nos métodos de pesquisa, buscando sempre o que considero a verdade, o justo ou no mínimo, que me faça questionar e pesquisar muito. 
   Uma parte do que sou, está aqui, para aqueles que tenham dúvida, da veracidade das matérias, fotos e vídeos "de minha autoria", que são divulgados neste espaço.
   Quem sabe agora, sabendo um pouco do que sou, o que fiz e o nível de conhecimento que tenho,  poderão mudar, quem sabe,  seu ponto de vista e me vejam como uma pessoa autêntica, pesquisadora  e o mais importante, verdadeira.


------------------------------

 
   Sabemos que muito, do que circula na internet, tem o objetivo, apenas, de fazer sucesso  e ridicularizar assuntos desta área, mas não é isto que eu como autor deste projeto decidi, quando resolvi iniciar este trabalho, portanto aceito perfeitamente quando sou questionado, criticado e até mesmo, ameaçado, como já fui, mas o que não aceito é ser chamado de "FAKE" (Falso).


 
"A Verdade não precisava estar lá fora, se aqui dentro, homens de verdade tivessem coragem para falar"

Gério Ganimedes 

sábado, 29 de janeiro de 2011

OVNIS em formação sobre Utah - Estados Unidos

27 de janeiro de 2011.

   Uma estranha formação de ovnis tira a tranquilidade dos moradores de Utah. A rede ABC apresenta a reportagem sobre as estranhas luzes.

Veja no vídeo abaixo e tirem suas conclusões.



Fonte: highercalling8 - Youtube

Colunas de Luzes nos Céus do Reino Unido


   Ilusão de ótica causada por cristais de gelo no céu da noite de Yorkshire, ou algo mais?



Impressionante:  Estes pilares de luz foram formados quando cristais de gelo nas nuvens baixas capturam a luz da cidade vizinha de Yorkshire Holmfirth e a refletem de volta à Terra, como milhões de pequenos espelhos


    À esquerda estão as luzes de Holmfirth, à direita, brilha o transmissor de TV, mas entre essas criações artificiais, a Mãe Natureza colocou um show que ofusca os dois.
   Superando o Emley transmissor Moor - de 1.083 metros, a estrutura mais alta do Reino Unido - estão estes pilares de luz descendo do céu, numa noite de inverno, como raios de fogo.
    Eles foram formados, quando os cristais de gelo em nuvens mais baixas, refletem as luzes de Holmfirth, como milhões de espelhos minúsculos, de volta à Terra.
    O fenômeno impressionante é geralmente formado a partir da luz do sol, mas também pode ser criado por luz artificial, como neste caso próximo a Holmfirth,  cidade do oeste de Yorkshire.
   Os pilares podem ser vistos a olho nu, mas sua aparência por cerca de 30 minutos, foi mais dramática, quando capturado em longa exposição nesta imagem pelo fotógrafo Steve Doherty, em temperaturas em torno de 3C-(27F), na noite de quinta-feira.
Doherty teve um vislumbre fugaz dos pilares, quando as temperaturas para cerca de-3C (27F) com 22:00 na noite de quinta-feira.
   Ele disse: "Eu tirei três lotes de fotos durante cerca de meia hora, então, com o céu carregado de nuvens, elas desapareceram completamente.
 'Eu vi esse efeito antes, mas nunca conseguiu fotografá-lo porque você tem que estar no lugar certo, na hora certa. "
   O Físico Les Cowley, fundador do site óptica atmosférica Atoptics.co.uk, disse que os veios de luz geralmente aparecem em temperaturas muito frio de-10C (14F) a-15C (5f).
   Ele disse: "os cristais de gelo em forma de placa, conhecida como" pó de diamante ", se formam no ar. Eles são raros no Reino Unido porque os cristais de gelo do ar precisam de temperaturas muito baixas. "
Um processo semelhante, mas com chuva ao invés de cristais de gelo, leva à formação do arco-íris.

   Dra. Liz Bentley, do tempo da Royal Meteorological Society's Club, disse: "os cristais de gelo têm um formato mais regular do que pingos de chuva, que faz com que uma linha reta na reflexão."
Os pilares podem ser vistos a olho nu, mas o efeito foi mais dramático quando fotografado em longa exposição.
Outros, no entanto, ressaltaram que luzes de busca, de refletores, poderiam criar um efeito semelhante no céu noturno.



Fonte: Mail Online

Comentário: Será isto mesmo? Ou é mais uma desculpa cheia de termos técnicos para explicar coisas que estão acontecendo no planeta que nem eles sabem o que é? Fica sempre a dúvida, pois eles estão sempre encontrando explicações absurdas e sem sentido, que fica difícil acreditar nestes cientistas, que para tudo tem uma longa história. 



OVNI na Tempestade

Foto/Crédito: Gério Ganimedes


   27 de janeiro de 2011, estava limpando meu teléscópio, aproveitando o tempo fechado e sem visibilidade para observação, quando ao longe se aproximava uma tempestade muito forte, com raios muito intensos, foi então que munido de minha câmera digital, resolvi tirar algumas fotos da tempestade. Hoje quando estava verificando as fotos para escolher as melhores, me deparei com esta, que mesmo não estando com uma qualidade boa, apresenta um estranho objeto escuro próximo ao relâmpago. Clique na foto para ampliar e vocês verão claramente o objeto em questão. Estranho não é? O formato é bem peculiar.  Fiz outras fotos no mesmo ponto de observação e o objeto não aparece.
   Pode ser apenas um efeito atmosférico, mas o que me intrigou, foi que no momento da foto, os relâmpagos, eram formados sempre no mesmo ponto onde apareceu o objeto.

Equipamento: Câmera digital Canon A470-7.1MP -  flash desativado - ISO 200 - zoom 4

Local: Canoas / RS - Direção: Oeste
Horário: 01:30 am



Agradecimentos a Revista UFO


   Deixo aqui, um agradecimento especial a toda a equipe da revista UFO que divulgou em sua página na web, o registro deste avistamento (UFO OVNI  ISS ), que tanto para mim, que assistiu e gravou, como para quem acessou o Projeto Quartzo Azul ou Youtube, causou grandes questionamentos, diante das imagens.  Espero sempre poder colaborar com a revista UFO, que sempre tratou o assunto de uma forma séria, investigativa e  objetiva.

   Meus sinceros agradecimentos a esta grande revista.


Estratégia Militar Extraterrestre, já demarcou pontos estratégicos da Terra



   Com base em vários anos de pesquisas, em estratégia militar avançada, estou convencido de que os visitantes estão na fase final de seu plano de invasão, sendo esta invasão benéfica ou malígna.
   O aparecimento de novos "crop circles" em pontos isolados do planeta, as aparições nas principais cidades de importância história e estratégicas, comprovam minha teoria de que logo estaremos fazendo contato.
   Quando acontece um avistamento ovni, numa região afastada dos centros urbanos, são aproximações de teor científico e de estudo, ou seja, eles vem, coletam algumas espécies de animais (cabras, ovelhas, gado) e partem rapidamente para realizar experimentos científicos evolutivos ou para saber se as espécies capturadas pode servir para eles como fonte alimentar.  Já as aparições nos grandes centros urbanos, capitais e pontos históricos do planeta tem outro objetivo. Posicionar e delimitar áreas que sejam de vital importância para nós humanos.
   Os avistamentos nas principais capitais do mundo, já não são novidade para ninguém e isto está se tornando, parte do cotidiano de nós ufólogos. 
   Este último avistamento em Jerusalem, local de importância histórica e religiosa, tem um destaque diferenciado, pois se um plano militar extraterrestre estiver armado, o que acredito, que logo acontecerá, "eles" estariam colocando à prova, até mesmo as crenças religiosas do planeta, para causar uma desordem político-religiosa, pânico aos habitantes  e deixar as grandes potências militares à beira de um colápso, onde qualquer  tática de contra ataque, seria inútil.

   Esta semana, durante  uma sessão de viagem astral , ... "vi no brilho de minha corrente de prata, elo espiritual entre minha alma e meu corpo, os efeitos de  um grande terremoto, ouvi o silênciar dos céticos, e sob relâmpagos e um cenário de gritos e pânico, vi um grande avistamento mundial, sob um céu negro de nuvens".


Vejam este video de um OVNI sobre Jerusalem.



Fonte: eligael - Youtube

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Vulcões estão entrando em atividade no mundo todo!

28 de janeiro de 2011

Foto: AFP


    O Vulcão Bromo, Indonésia, emite densa nuvem de fumaça enquanto grupo de adoradores do vulcão deixam a montanha.

    Pelo menos 12 voos rumo a Bali foram cancelados.
    As nuvens de cinzas que saem do vulcão Bromo, na ilha de Java, estão atrapalhando o tráfego aéreo na ilha de Bali pelo segundo dia consecutivo nesta sexta-feira (28)..
    As autoridades ativaram o alerta e proibiram moradores de chegar a uma distância de dois quilômetros do vulcão.
   Segundo um comunicado do Departamento de Meteorologia de Darwin, no norte da Austrália, a nuvem de cinzas causada pela erupção do Bromo, de 2.300 metros de algura se deslocou cerca de 370 quilômetros ao noroeste do vulcão.

Fonte: Terra e G1

Comentário:  Querem prova maior de que a saúde de nosso planeta não está bem. Alguma força muito grande está afetando nossa atmosfera e consequentemente o núcleo também. Uma espécie de reação em cadeia está alterando a estrutura da Terra. Seria estes eventos sintomas do acúmulo de energia, para o tão falado Mega terremoto?

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

O Planeta em Fúria

Foto/Créditos: jhayzee27


Vulcão entra em erupção ao sul do Japão


Foto: Reuters

   TÓQUIO – Pico Shinmoe, também conhecido como Shinmoe-dake, parte de um grupo de vulcões em Kirishima sul de Kyushu, entrou em erupção nesta quarta-feira (26 de janeiro), entre as provincias de Kagoshima e Miyazaki. A erupção, que se acredita ser a maior em Kirishima desde 1959, enviou uma coluna de cinzas de cerca de 1.500 metros em direção ao céu. A Agência Meteorológica do Japão foi forçado a emitir um nível de alerta do vulcão e três chamados para uma evacuação de residentes dentro de um raio de dois quilômetros do vulcão. Na quinta-feira as cinzas e rochas vulcânicas, cairam sobre uma grande área no sul do Japão, abrangendo as duas províncias do sul.

Foto: Reuters


Fonte: UBALERT – Disaster Alert Network
Créditos: jhayzee27
                                                                                      

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Iniciativa Global para Busca de OVNIS

Você está Convidado!


26 e 27 de Fevereiro de 2011


Crédito: Paul Anderson, ufoetc.webplus.net, redir.ec/GlobalSkyWatch

   Este é um convite aberto para todas as pessoas do mundo, que queiram juntas participar de um evento global de observação do céu , para se posicionar simultaneamente, por todo o mundo.

   Por quê?

   Para encorajar o compartilhamento e o conhecimento na identificação de objetos que não são da Terra,  para fazer contato com estes objetos e especialmente para mostrar aos nossos líderes mundiais que NÓS ESTAMOS PRONTOS para O CONTATO com seres extraterrestres.

   Para participar do evento, é necessário registrar sua intenção em fazer parte deste programa, contactando o e-mail ufoetc@hotmail.co.uk, e confirmando sua localidade (cidade e país) em que você estará,  quando fizer parte da vigília.  Isto fará com que o administrador possa formar um mapa mostrando as áreas que estão sendo cobertas pelos integrantes.  Em caso de contato, é claro, deverá ser reportado o evento para o mesmo endereço.

    Desde já, deixo a disposição dos que quiserem participar deste evento, ou mesmo em qualquer ocasião, meu email gerio.ganimedes@gmail.com, para o caso de colaboração com este blog, através de fotos, vídeos e links no youtube.
  
    As postagens dos colaboradores, ficarão com o crédito ou se solicitado, em sigilo absoluto.
  

Vamos nos unir numa só força.



Fonte: ufoetc.webplus.net
Iniciativa: Paul Anderson, ufoetc.webplus.net, ou redir.ec/GlobalSkyWatch

Mortandade de Peixes na Colômbia Relacionada à Aparecimento de OVNI


   Bogotá,  25 de janeiro de 2011

   Habitantes de uma população do Nordeste da Colômbia asseguram que uns 2.000 peixes têm  morrido desde a semana passada após ter surgido um estranho objecto que  voava e emanava luz, visto por uns segundos sobre um pântano da região.
   O caso ocorreu na aldeia do Llanito, jurisdição da cidade de Barrancabermeja, onde na Sexta-Feira  passada vários populares observaram um objeto voador, segundo meios de imprensa locais.
   Pouco depois começaram a flutuar peixes mortos no pântano, mas a diferença de outros casos similares atribuídos pela falta de oxigênio, desta vez aos habitantes do Llanito chamou-lhes a atenção que todos apresentam queimaduras nas escamas.
   Segundo Magaly Gutiérrez, dirigente de uma organização comunal, o fenômeno durou uns 20 segundos e foi observado por muitas pessoas.
   A radio RCN assinalou que habitantes da aldeia vizinha de Ponte Sogamoso, em jurisdição do município de Porto Wilches, disseram ter visto voando um objecto redondo que fazia deslocamentos laterais no mesmo dia que começou a morte dos peixes em Llanito.
   O presidente da Associação de Acuicultores e Pescadores do Llanito, Juan Terceiro, disse que os peixes mortos apresentam queimaduras e começaram a flutuar desde a "estranha iluminação no pântano", segundo declarações que publica o diário "Vanguardia Liberal" de Bucaramanga.
   Autoridades ambientais de Barrancabermeja deslocaram-se para a região para recolher amostras que permitam conhecer o que produziu a mortandade dos peixes, segundo RCN.




Fonte:  youtube - claedoro




Fonte: http://www.panoramadiario.com   - Youtube - Elespectador.com

Líderes Mundiais Disseram Que Discos Voadores São Reais e Extraterrestres Existem

   Parece que, o grande dia está chegando e os preparativos para o CONTATO estão caminhando a passos largos. É o seguinte, basta falar para os poderosos que o dinheiro deles está em jogo, que a verdade logo vem a superfície e ai nem o governo nem os serviços secretos conseguem encobrir os fatos.  


   Veja a notícia abaixo:

Riyadh, Arábia Saudita

   A cinco mil dólares o ingresso, alguns líderes de negócios obtiveram mais do que barganhas ao participarem do primeiro dia do Fórum Global de Competitividade (GCF) que está acontecendo em Riyadh, Arábia Saudita. Foi dito  a eles que discos voadores são reais, e que é melhor que eles comecem a pensar sobre as implicações em negócios  de vida extraterrestre e tecnologias.
   Promovida todos os anos pela Autoridade de Investimento Geral da Arábia Saudita, a GCF colocou juntos líderes políticos e de negócios para discutir caminhos de promoção da competitividade de negócio.
   Pela primeira vez em sua conferência anual, a GCF promoveu um painel de discussão sobre OVNIs e vida extraterrestre. Entitulado “Aprendendo a Partir do Espaço Exterior”, o painel foi compreendido por cinco oradores, sendo que todos endossaram a visão que a vida extraterrestre é real, e que tem muitas implicações para o mundo como nós o conhecemos.
   O painel ocorreu em 23 de Janeiro, e foi como uma sessão do “plenário principal”, onde todos os participantes da  GCF foram capazes de participar e ouvir o que os ‘experts’ tinham para dizer sobre OVNIs e vida extraterrestre. Mais  de 1000 participantes, incluindo as elites política e de negócios, como os Primeiros Ministros Britânico e Canadense,  Tony Blair e Jean Chretien; Jim Albaugh, presidente da Boeing; Andy Bird, diretor chefe da Walt Disney International;  Jared Cohen, diretor da Google Idéias, e muitos outros.
   O aviso que eles receberam, foi que o assunto vida extraterrestre  é real e que seria melhor eles começarem a pensar nas implicações de negócios.

Notícia completa em:  exopoliticabrasil.net

Fonte:  Exopolitica Brasil

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Muro do Ártico está mais baixo.


Congelamento do ar, que salta do "muro do Ártico" é o culpado, por inverno com temperaturas abaixo de zero.


   O inverno violento, que trouxe o caos ao redor do mundo está sendo causado pelo ar frio que está pulando o muro do Ártico, têm revelado os cientistas. Alterações na circulação atmosférica têm causado uma corrente de jato, que, normalmente era contida em torno do Pólo Norte, mas agora avança ao Sul. Isso deixou a Grã-Bretanha e outros países submetidos a temperaturas abaixo de zero e vítimas de surtos de frio intenso, marca deste inverno. Ao mesmo tempo, o ar quente está fluindo mais ao norte no Ártico, o que levou os cientistas a compararem o fenômeno ao de deixar a porta da geladeira aberta em uma casa aquecida.


Fonte: Mail Online / Tradução: Gério G.

Gosma misteriosa verde-amarela cai dos céus de Nova York

   
   Uma gosma verde-amarela misteriosa caiu do céu e respingou em casas em Snyder,Nova York, na terça-feira.
  
   Casas ao longo Rodovia Washington e Drive Berryman estão revestidas empingentes amarelos ou verdes. Paredes e pavimentos estão salpicados com uma substância marrom profunda bizarra.
   Vizinhos disseram que a substância misteriosa apareceu no horário entre as 09:00 ea meia-noite de terça-feira.

   A cor e a textura da gosma imediatamente provocou temores de ”gelo azul” - ou seja, excrementos humanos congelados que caem de aviões passando lá em cima, relatou a ABCNews.
  
   No entanto, a FAA (Administração de Aviação Federal dos EUA) iniciou uma investigação rápida e descartou essa possibilidade.
  

   Um porta-voz disse à ABC: “Os inspetores de normas de vôo locais investigaram a situação e determinaram que aquilo não era de uma aeronave.”

   Então, o que poderia ser?

   O coordenador de resíduos da cidade disse que estão olhando para isso – e já encontraram algumas teorias bastante desagradáveis.
   Surgiu a especulação de que seriam dejetos de pássaros que comeram as sobras de um McDonalds. Mas especialistas em pássaros disseram que poderia ser também os dejetos de pássaros que imigram para a Europa e que estavam ali de passagem.
   Mas como os engenheiros da cidade ainda estão fazendo testes, e os moradores terão, por agora, simplesmente têm que esperar um pouco mais - e talvez investir em um ou dois bons guarda-chuvas.


Comentário: A poluição chegou num nível tão alarmante, que daqui a pouco, seremos atingidos por esterco caindo do céu.  Já não sabem mais onde colocar tanto lixo, agora vão começar a espalhar pelos céus do mundo todo, de avião?  Mais um acontecimento sem uma explicação coerente para os fatos.

Gério Ganimedes


  


Agroglífos (Crop Circles) encontrados na Indonésia

 Tribunnews.com / Hasan Sakri Ghazali


   O primeiro agroglífo da Indonésia apareceu e os habitantes da região o classificam como evidência de vida alienígena.

   Encontrado em uma plantação de arroz em um vilarejo de Sleman, Yougyakarta, o agroglífo é formado por triângulos e círculos, com um diâmetro de aproximadamente 70 metros. Apesar de alguns observadores dizerem que se trata de algo feito pelo homem, os habitantes locais e autoridades do governo estão tendo dificuldades para encontrar uma explicação concreta.

   “De acordo com vários habitantes do vilarejo, eles viram um tornado sábado à tarde [22/01/2011]“, disse Ngadiran, um dos seis fazendeiros proprietário de terras em Sleman. “No domingo à tarde, nós vimos as pegadas em nossas plantações“.
   O agroglífo foi relatado primeiramente por um fazendeiro chamado Tukiman, no domingo às 06h00min. Sua história atraiu multidões, causando um grande congestionamento na região. Os habitantes locais parecem todos terem suas próprias teorias da origem da misteriosa ocorrência.

   “Eu acho que eles foram feitos por uma nave alienígena, como a que eu ví na TV“, disse Cahyo Utomo, na segunda-feira, ao Jakarta Post. “É impossível que isto tenha sido feito pelo vento ou qualquer animal“.

   Outros apontaram para a simbologia peculiar do agroglífo. “Este agroglífo em particular é fascinante, pela sua semelhança com o muladhara chakra, um dos chakras básicos do Hinduísmo“, disse Perdana à uma agência de notícias local.
Porém, as autoridades permanecem céticas de que o agroglífo seja evidência de um contato mais próximo com alienígenas.

   “Não enviaremos investigadores ao local porque suspeitamos que humanos estejam envolvidos, e não um fenômeno natural ou científico associado às criaturas do espaço sideral, comumente conhecidas como alienígenas“, disse Thomas Djamaluddin, chefe de pesquisas astronômicas da agência espacial da Indonésia.
O surgimento de agroglífos ao redor do mundo tem aumentado desde a década de 1970, sendo que, devido aos misteriosos desenhos, fazem com que muitos acreditem que sejam o trabalho de OVNIs.

   Em 1991, Doug Bower e Dave Chorley declararam que eles foram responsáveis por esta “moda”, demonstrando suas habilidades de fazer ornamentos simples nas plantações em menos de uma hora, utilizando cordas e tábuas para amassarem a plantação.
Alguns dos agroglífos foram provados como forjados, mas outros permanecem um mistério, devido ao fato de não haverem pegadas humanas até o local, bem como os caules das plantas não terem sido quebrados, mas sim curvados, o que seria impossível de se obter com a utilização de tábuas e cordas.

Fonte: FoxNews > OVNIHoje


Comentário:    A imagem deste "Crop Circle" em particular, não me impressionou muito, pois me parece, pela foto, que é muito grosseiro e com formas pouco definidas, comparado a outros encontrados pelo mundo, mas isto não quer dizer, que tenha sido forjado, é apenas meu ponto de vista, após analisar a fotografia.    Gério Ganimedes

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Chama o Síndico!

Ilustração
  

   Guerras, revoluções religiosas, atentados, tragédias climáticas, manifestações por todo o globo. O homem está atravessando a barreira do ódio. A natureza selvagem dos humanos parece estar sendo resgatada dos primórdios de seu estabelecimento na Terra e o que está causando isto é a competição, a fome e o medo de perder seu espaço.
   
   Qualquer que seja a situação, pessoas se agridem, por quase nada. Por muito pouco uma arma é sacada e lá se vai mais uma vida. As energias estão à flor da pele, basta uma faísca no ímpeto, que uma revolução é montada. Carros incendiados, homens bomba, guerras religiosas em nome de “Deus”, como se Deus fosse responsável pelo desastre da evolução irracional humana. Até o clima do planeta se revolta, com a agressividade do homem. E então as tragédias em massa são questionadas, mas ninguém faz nada a respeito para frear a fúria de um planeta, que a centenas de anos vem sendo maltratado.

   Se nossos irmãos do cosmos, estão acompanhando o que está acontecendo aqui e com a idéia, de que eles sejam dotados de inteligência superior, seriam eles corajosos o suficiente para descer aqui num momento destes? Eles aceitariam ser alvos da agressividade humana no ápice do seu potencial? 

   Fica a pergunta, que todas as sociedades cientificas e até mesmo religiosas, estão a elocubrar. Será uma visita de cordialidade para dividir experiências e compartilhar conhecimento, ou será um “Recall”, para corrigir o que deu errado na evolução de uma espécie?

   Em minha opinião, esta visita teria um propósito administrativo e coordenativo, ou seja, uma espécie de visita de um coordenador a uma sala de aula com alunos problemáticos. Uma forma de reunião com o síndico, de uma sociedade com ensinamentos ultrapassados e com um âmago de desenvolvimento destrutivo.  

   Regras serão impostas, doutrinas serão revisadas e uma total redefinição de evolução da vida será aplicada, por nossos novos administradores. Eles parecem transmitir isto, através de suas visitas misteriosas ao planeta, que acontecem a anos. São vistos, mas não são entendidos ou são até mesmo ridicularizados por muitos, mas eles estão aqui e acredite quem quiser, já não estão fazendo questão de se esconderem ou camuflarem. Eles querem ser vistos, são propositais os avistamentos. É uma espécie de alerta, intrínseco nas suas visitas, para ver se os “responsáveis” pelo planeta estão fazendo algo para melhorar as diretrizes de evolução da raça humana. Se existe uma comunicação com a população, para mudar a linha de destruição que estamos seguindo.  
  
   Sendo assim, as coisas estão piorando e como não há mais respeito pela vida, tanto terrena como cósmica, é inevitável a suspensão desta turma do barulho, que continua badernando e destruindo, o que há de mais sagrado no universo, um lugar para viver.
  
   Preparem-se porque se pensam que estamos morando num condomínio de luxo sem Síndico, estão todos muito enganados.
  
   O síndico está chegando com um novo regulamento e estará acompanhado de um grande número de fiscais para controlar a bagunça que estamos fazendo.


Gério Ganimedes

Sociedade científica reabre debate sobre vida fora da Terra


Cientistas acreditam que extraterrestres poderiam ser agressivos
Foto: Getty Images

   Por Angela Joenck Pinto
 
   A comunidade científica foi surpreendida este mês pela reivindicação da inglesa Royal Society de que a Organização das Nações Unidas (ONU) elabore um plano de defesa contra extraterrestres.
   Publicado na revista Philosophical Transactions, o artigo da sociedade científica britânica afirma que a humanidade deveria se precaver contra um encontro que poderia ser violento, e dividiu opiniões na comunidade científica brasileira.
   Para os ufólogos - os pesquisadores de discos voadores - foi uma vitória. "Foi uma coisa sem precedentes. (A Royal Society) é uma das instituições cientificas mais sérias do planeta terra. Eles estão se abrindo, lentamente", diz Ademar Gevaerd, pesquisador e editor da revista UFO. O professor e pesquisador em Astronomia e Astrofísica Kepler de Souza Oliveira Filho pondera que a possibilidade de que uma vida externa seja agressiva sempre existe, mas o astrônomo não acredita em contatos agressivos entre civilizações, "simplesmente porque as distâncias entre as estrelas são tão grandes que não há possibilidade de viagens entre elas".
   Crenças e evidências à parte, o diretor do Observatório Astronômico da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Basílio Santiago, vê utilidade na reflexão sobre a natureza dos ETs. "É útil na medida em que nos faz refletir sobre a civilização na Terra. Ao avaliarmos os riscos de civilizações extraterrestres, reforçamos em nós todos a noção de uma civilização humana. Isso é fundamental para os desafios de governabilidade mundial", explica.
   "A comunidade científica, que por muito tempo ficou completamente fora dessa discussão por puro preconceito e ignorância, hoje começa a se abrir", comemora Gevaerd. No entanto, o ufólogo acredita que o estágio da discussão pública ainda é "primitivo". "Estão falando em micróbios e processos biológicos que podem levar uma vida. Mas reservadamente, a informação de que nós estamos sendo visitados por outras espécies cósmicas já é seriamente considerada pelas diretorias de muitas instituições", aposta.
Basílio Santiago não acredita que a reivindicação da Royal Society indique uma total mudança de posição da instituição. "Não há ainda evidência de contatos com extraterrestres. O que há são relatos isolados que carecem de confirmação e validação", observa.

   Conceito de vida extraterrestre não é consenso

   Oliveira Filho lembra que a procura de vida fora da Terra é muito difícil. "Primeiro, porque é preciso definir o que é vida, e não há consenso sobre a definição. Segundo, porque quando fazemos uma procura na Lua ou em Marte, ou em outros planetas e satélites aonde conseguimos enviar sondas, precisamos ter certeza de que não estamos contaminando o meio pesquisado. Terceiro, sabemos que, nestes planetas e satélites perto de nós, não há condições físicas de haver vida desenvolvida, só microorganismos, por falta de água e calor. E os planetas fora do Sistema Solar estão tão distantes, que não temos condição de enviar sondas". Resta, segundo o professor, estudar os sinais de rádio emitidos em outros sistemas e procurar por vida inteligente através de um sinal com informação.
São grandes radiotelescópios, como o de Arecibo, em Porto Rico, que buscam estes sinais de inteligência extraterrestre. "Mas há também a busca por planetas nas zonas de habitabilidade em torno de estrelas. Futuramente, será possível identificar as chamadas bioassinaturas nesses planetas, ou seja, substâncias associadas à vida", projeta Basílio Santiago.

   "Conseqüências devastadoras"

   Em abril de 2010, o astrofísico Stephen Hawking declarou em entrevista ao Discovery Channel que os humanos deveriam "evitar qualquer contato com ETs", porque as conseqüências poderiam ser "devastadoras".
   Em setembro do mesmo ano, uma reunião de militares da reserva americana aconteceu em Washington e contou com a presença de representantes da força aérea, exército e marinha. A conferência, transmitida ao vivo pela rede CNN, teve a presença de Robert Salas, oficial de lançamentos de mísseis entre 1964 a 1971, que relatou diversos incidentes onde radares teriam detectado objetos voadores não identificados. Segundo seus relatos, os discos voadores teriam sobrevoado as ogivas em baixas altitudes, fazendo os mísseis pararem de funcionar, encerrando a comunicação deles com os instrumentos de lançamento. Também foi declarado que, durante testes militares de lançamento de foguetes com ogivas desarmadas, mísseis foram destruídos em pleno ar por discos voadores.
  

   Pesquisa no Brasil

 

   O Brasil teve as primeiras comissões de pesquisa sobre o tema no mundo, contando inclusive com centros de pesquisas ufológicas dentro da força aérea brasileira. Fundado em 1969 e hoje extinto, o Sistema de Investigação de Objetos Aéreos não Identificados (Sioani) era um órgão oficial da aeronáutica dentro do 4º Comando Aéreo Regional, em São Paulo.
   Desde 2007, o governo brasileiro já liberou cerca de 5 mil páginas de documentos classificados como "confidenciais" envolvendo incidentes com discos voadores em todo o território nacional, inclusive relatando perseguições de jatos da força aérea. Os documentos estão disponíveis para pesquisa pública no Arquivo Nacional, em Brasília.
   Uma portaria assinada pelo comandante da Aeronáutica, Juniti Saito, também determina que todas as ocorrências com possíveis ovnis no País, especialmente as relatadas por pilotos, devem não somente ser transferidas para o Arquivo Nacional, mas também relatadas à autoridade competente, no caso ao Comando de Operações Aéreas (Comgar), o braço armado da Força Aérea Brasileira.


Fonte: Terra  -  Angela Joenck Pinto 

sábado, 22 de janeiro de 2011

Vídeo ao Vivo da Estação Espacial Internacional, Censurado?




22 de Janeiro de 2011

   Tentei várias vezes hoje acessar o isslivestream sem sucesso. Fica apenas uma tela preta sem sinal algum.  Normalmente quando está sem sinal, a NASA coloca uma tela com uma foto do planeta Terra e o logotipo da NASA.


Estariam eles censurando o sinal emitido pela câmera da Estação Espacial?

O que está acontecendo?

Complemento
--------------------

   Estou recebendo e-mails, relatando que várias pessoas que estão tentando acessar a NASA TV para ver imagens em tempo real da Estação Espacial Internacional, não estão conseguindo sucesso, então ou o sinal deixou de ser transmitido ou a NASA está censurando as imagens para distribuição na web.

Algo está acontecendo, fora de nossa atmosfera e mais uma vez estão nos ocultando os fatos.

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Exclusivo - OVNIS NA ISS - URGENTE!

   Vários OVNIS foram gravados diretamente do Live Space Station Video, no site http://www.nasa.gov/ ( NASA TV ), no dia 21 de janeiro de 2011 as 17:20hs por Gério Ganimedes e postado por jaquealma. A imagem está escura porque a Estação Espacial estava saindo da região de sombra terrestre.




   As imagens são impressionantes

   Durante o Contato Estabelecido, o sinal de radio da Estação Espacial Internacional sofreu muita interferencia e quase não dava para escutar os astronautas da ISS. No momento do avistamento a estação, segundo o site Heavens Above, estava sobre o Pacífico, próxima ao Japão.

Tremores em todo planeta


   Uma onda de pequenos abalos sísmicos, atinge diversos países em partes isoladas do planeta, nas últimas horas.

Estamos de olho ...


Boeing testa foguete espacial pela primeira vez

'Delta 4' poderá levar humanos ao espaço no futuro.
Voo inaugural foi feito sem tripulantes a bordo.

Foto: Phil Klein / AP Photo


   A fabricante de aviões norte-americana Boeing testou, na quinta-feira (20), o foguete Delta 4, que poderá, no futuro, ser usado para levar humanos ao espaço. O lançamento foi realizado na base aérea Vandenberg, na Califórnia. O voo inaugural foi feito sem tripulação a bordo. Não é a primeira vez que uma empresa tenta ganhar o espaço. Antes privilégio das agências espaciais, empresas como Virgin já haviam desenvolvido veículos para exploração espacial em um futuro próximo.

Fonte: G1 - Foto/Crédito AP


Comentário: O que achei interressante nesta foto é que, se tratando de um teste de foguetes, não ficou nada parecido com as espirais da Noruega, como na ocasião, relataram os técnicos que analisaram as imagens e disseram que aquilo se tratava de um teste de foguete ou míssil.

Gério Ganimedes





"Quanto menor a porcentagem de uma probalidade, maior a possibilidade de estarmos errados"

  

   Quando as escalas de porcentagem são pequenas os erros tendem a ser grandes, por isto devemos estar atentos ao que nossos queridos cientistas, donos de um única verdade, nos comunicam , transmitindo uma total confiança em seus cálculos e dados técnicos.
 
   Lembro bem quando da última passagem do cometa HALLEY, 1986, que todos os astrônomos e especialistas em astronomia, disseram que seria linda a sua passagem, que ele passaria bem próximo da Terra e que os percentuais de erro de cálculo, quanto a sua passagem eram bem pequenos ( Aqui entra minha teoria ).
   Comprei luneta, telescópio, gastei uma grana em equipamento para ver o tal cometa. Olha fiz de tudo para observar o bendito ou maldito (gastei pra nada), como quiserem, mas o que vi foi apenas um decepcionante pontinho branco com rastro muito pequeno, num só dia e para decepcionar mais, a luz do dia durante o pôr-do-sol.
   Bem, contei tudo isto só para lembrar que as previsões que "os cientistas", passam sobre catástrofes que podem acontecer com a Terra são de 1/1000000000 de vezes, ou apenas 0,001% de chance de se chocar com nosso planeta, ou ainda que o Sol está bem e que num percentual muito pequeno teremos alguns probleminhas de comunicação com satélites.
   Isto me preocupa e deveria preocupar vocês também. Tudo é uma porcentagem muito pequena de acontecer ou está muito distante do nosso tempo.

Lembrem de minha teoria!

Quanto menor a porcentagem de uma probalidade,
       maior a possibilidade de estarmos errados.

Gério Ganimedes

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

OVNIS Na Ilha de Marco, Flórida - EUA

Imagens impressionantes sã mostradas neste vídeo Parte 1 e 2.




   

Fonte: Youtube

Cuidado com os Fogos de Artificio! Podem matar Vacas de Susto!




17 Janeiro de 2011

Mortes em massa de  animais, continuam pelo mundo!

Centenas de vacas e leões marinhos são encontrados mortos.  São casos isolados ou algo mais alarmante?

   São muitas as preocupações sobre as mortes de animais em massa que continuam a crescer. Com a notícia de que cerca de 200 vacas, que foram encontradas mortas de forma misteriosa, em Wisconsin, bem como centenas de Leões Marinhos (Focas) em terra, no Canadá.
   As vacas foram mortas por uma infecção mistériosa, as autoridades ainda não conseguiram identificar a causa exata, as amostras foram enviadas à laboratórios, para análise, em Madison.
   Segundo relatos, o proprietário do gado disse ao xerife, que ele suspeita que as vacas sucumbiu a IBR (rinotraqueíte infecciosa bovina) e BVD (diarréia viral bovina).  Ambas as doenças podem causar problemas respiratórios e reprodutivos.
   Em um caso separado, residentes no litoral norte de Labrador relataram ter visto um grande número de focas mortas chegando às praias.
   O Ministério Canadense de Pesca e Oceanos (DFO) está testando as carcaças.  A teoria de trabalho é que a população de leões marinhos da região tem crescido muito, resultando em uma maior taxa de mortalidade.
   Em ambos os casos, os cientistas acreditam que há explicações racionais, no entanto, com tantos outros exemplos de morte em massa de animais de forma misteriosa nas últimas semanas, as questões voltaram a ser levantadas e a questão é de saber se os casos estão de alguma forma ligados.

   Desde a virada do ano novo, casos de grande quantidade de aves mortas têm sido relatados no Arkansas, Alabama, Kentucky, Louisiana, Carolina do Norte, Texas e Flórida.
   Mortes em massa de peixes e caranguejos, também foram relatados. Mortes inexplicáveis de animais também têm sido relatadas em Ontário, Canadá, Itália, Brasil, Suécia, Filipinas, Grã-Bretanha, Haiti, Austrália e Nova Zelândia. O número de casos de aves e peixes mortos nos EUA e a nível mundial tem sido acompanhado de diferentes explicações sobre a causa de suas mortes.
   As causas mais absurdas são citadas, como fogos de artifício, granizo localizado, linhas de energia ou outros fenômenos temporários, que teriam causado o pânico nas aves e consequente morte. No entanto, isso não explica, por que eventos similares, estão ocorrendo em diferentes regiões do país e mesmo do mundo e não são abordados na questão das mortes em massa de outros animais.
   Como temos documentado, os principais suspeitos devem ser sempre os governos, dado o fato de que eles estejam rotineiramente envolvidos em testes secretos de armas biológicas
 e eletromagnéticas que têm impactado negativamente nos seres humanos e animais, muitas vezes no passado.
  
   Aves caindo mortas do céu e peixes aparecendo mortos nas praias e rios da América do Norte e em todo o mundo, até agora têm sido reportado na mídia, como inexplicáveis  atos isolados da natureza.
   Agora com a morte de animais maiores no quadro, o fenômeno pode ser investigado de forma mais rigorosa.

Fonte: Steve Watson
            Prisonplanet.com
 
Tradução: Gério Ganimedes


   Olha não dá pra aguentar mais, tanta mentira, tantos fatos encobertos ... O que está acontecendo, estamos sendo manipulados,   tratados como crianças ... pior, como gado e este,  já está morrendo. 

   Se não descobrirmos o que realmente está acontecendo, daqui muito pouco tempo estaremos caindo aos milhares, por ruas e praças.  


quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Nova Onda de Avistamentos pelo Mundo

A Calmaria durou pouco.

Vários videos de avistamentos de ovnis foram postados na web.  Abaixo, estão 3 vídeos, que achei interessantes.












Fonte: Youtube

Tempestade Gigante em Saturno, Captada pela Sonda Cassini


A tempestade - vista na imagem como uma mancha clara - tem tamanho equivalente em seu centro à metade da Terra
Foto: Nasa/Divulgação




   Imagem capturada pela Sonda Cassini, da Nasa - a agência espacial americana - revelou uma tempestade no hemisfério norte de Saturno cuja rajada de vento central mede distância equivalente à metade do tamanho do planeta Terra.
   O centro da tempestade mede 6,6 mil km. Já seu comprimento é de cerca de 66 mil km. A imagem foi registrada utilizando filtro verde e também mostra sombras escuras dos anéis do planeta em sua superfície.
   Segundo a Nasa, a tempestade surgiu em Saturno no começo de dezembro de 2010. Os primeiros a percebê-la foram astrônomos amadores. Segundo os cientistas, a tempestade aparece na cor branca porque é feita de cristais de amônia.
   Quando o gás chega à atmosfera superior de saturno, cristais de amônia condensam no vapor, formando a região branca que é visível. Uma tempestade seste tamanho acabaria com a Terra, disseram os cientistas.
Tempestades gigantes ocorrem costumeiramente em Saturno, mas esta é a mais brilhante em décadas.


Fonte: Terra - www.terra.com.br


Pelo visto o Sol não está mudando o clima só aqui na Terra. 

Vulcão Krakatoa em constante atividade


   O Vulcão Krakatoa a leste de Java, entrou em erupção em 18 de janeiro de 2011.  Uma grande quantidade de cinzas e pedras foram arremessadas no ar a grandes altitudes e a energia liberada causou forte estrondo. A atividade vulcânica durou aproximadamente uma hora.

   O Krakatoa mantém erupções em pequena escala, continuamente, através dos anos.




Fonte: CNN - iReport

O Universo Pintado por Estrelas

Imagens de nebulosa ajudarão estudos sobre formação de estrelas

A Nebulosa de Órion é a região de formação de estrelas de grande massa
 mais próxima da Terra - Foto: ESO/Divulgação


   Composição de imagens inéditas da Nebulosa de Órion, registradas pelo telescópio MPG, do ESO (Observatório Europeu do Sul, na sigla em inglês), instalado no Observatório de La Silla, no Chile, permite aos astrônomos uma observação mais detalhada de uma região de formação estelar de grande massa. Esta possibilidade de observação colaborará no avanço do conhecimento sobre a formação e evolução das estrelas.
   Os dados que compõem a imagem foram selecionados por Igor Chekalin, russo, que foi o vencedor do concurso Tesouros Escondidos do ESO, em 2010, com outra composição de imagens.
   A imagem é composta por exposições obtidas em cinco tipos de filtros diferentes. Na cor vermelha, aparece o gás hidrogênio e a radiação que atravessaram o filtro vermelho. Em verde, é mostrada a radiação vinda da região verde e amarela da Nebulosa. Em azul, pode-se enxergar a radiação que passou através do filtro ultravioleta.
   A Nebulosa de Órion, também chamada de Messier 42, é um conjunto de gás e poeira no qual se formam estrelas de grande massa, sendo a região deste tipo mais próxima à Terra. Seu gás pode ser visto a olho nu da Terra. Se localiza a 1350 anos-luz do planeta.

Fonte: Terra

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...